Não há produtos em seu carrinho.

Vinho Vermoute

O Vermoute é uma bebida à base de vinho produzida através da infusão de frutas, ervas, especiarias e raízes em um branco de baixo teor alcoólico. A mistura de componentes pode variar de acordo com o fabricante, o que muitas vezes pode representar um segredo comercial muito bem guardado.

A lista de ingredientes para a fabricação do vermoute é extensa: cardamomo, camomila, canela, frutas cítricas (casca), cravo, coentro. A casca de laranja e a noz-moscada trazem um diferencial de amargor refrescante; já as bagas de zimbro trazem um sabor picante. A planta Artemisia absinthium, matéria-prima da famosa bebida Absinto, também já foi utilizada como condimento para o vermoute. 

Não há oficialmente nenhuma definição ou obrigatoriedade sobre o processo de fabricação do vinho vermoute, como o tipo de uva que deve ser utilizada ou as ervas e frutas que podem ou não ser adicionadas na produção. Tudo o que se conhece sobre essa bebida provem de experimentação de uma grande variedade de receitas, e cada produtor estabelece seus próprios critérios.

Na França, geralmente são utilizadas as uvas Clairette e Piquepoul para os vinhos base, enquanto na Itália as castas Catarratto e Trebbiano são as favoritas. As plantas, ervas e frutas escolhidas para incorporar a receita variam de região para região, de acordo com a tradição de cada produtor.

O vermoute pode ser produzido com vários níveis de doçura, um atributo controlado pela quantidade de xarope de açúcar adicionado na fabricação. Destilado de uva também é utilizado, o que coloca esta bebida no critério de vinhos fortificados.

Um vermoute doce típico contém entre 10 e 15% de açúcar, que não se relaciona com os açúcares residuais do vinho no processo de fermentação, já que é deliberadamente adicionado durante a produção. Existem também versões mais secas, com teor de açucar inferior a 5%.

Os grandes nomes do vermoute, atualmemente, são Cinzano e Martini & Rossi, na Itália, e Noilly Prat e Dolin, na França. Embora os Estados Unidos não tenha uma forte tradição de produção da bebida, há algumas marcas originárias da costa oeste que vem ganhando certa notoriedade, como a californiana Quady Winery "Vya".

A forma ideal de se consumir o vermoute é degustá-lo sozinho ou com bebidas mistas e coquetéis, sendo um importante componente de drinks famosos, como o Vodka Martíni, uma das bebidas favoritas de James Bond, e os clássicos Manhattan e Negroni.