Não há produtos em seu carrinho.

Pinot Noir / Pinot Nero

A Pinot Noir é uma variedade tinta, que produz alguns dos melhores vinhos da Borgonha e só produz bons vinhos em poucas regiões, ao contrário da uva Cabernet Sauvignon e da Merlot, por exemplo, que produzem excelentes vinhos em diferentes regiões.

A Borgonha dá origem a vinhos lendários, especialmente, nas regiões de Clos de Vougeot, La Tache, Chambertin, Romenée-Conti e Le Musigny, todos com uma característica em comum: a Pinot Noir. Tal variedade é uma das uvas mais antigas da França, bem como considerada por alguns críticos e especialista como a mais elegante.

Apesar de participar da composição dos tradicionais vinhos La Romanée-Conti, a Pinot Noir também é utilizada como base para a elaboração dos famosos e prestigiados espumantes Champagne.

Ícone da Borgonha, essa variedade é considerada uma cepa capaz de elaborar diferentes estilos de vinhos, bem como é sensível a variações de solo e clima, podendo apresentar características diferentes entre terroir e safras. Em regiões frias, a Pinot Noir apresenta maiores níveis de acidez e aromas, enquanto em climas quentes a variedade dá origem a vinhos mais flácidos e, às vezes, com excelente maciez.

Na Borgonha, na região de Côte de Nuits foi estabelecida uma legislação que determina que os vinhos Pinot Noir sejam tintos de corpo médio a cheio, com textura macia. Já os Pinot Noir elaborados em regiões do Novo Mundo são exemplares mais maduros, que variam de corpo entre médio e encorpado, com boa persistência no palato e notável sabor.

Apesar de ser uma variedade extremamente sensível as condições climáticas e geográficas, é possível encontrar o cultivo da Pinot Noir fora da Borgonha, em regiões vinícolas da Austrália, Califórnia, Chile, Oregon, Nova Zelândia e Itália.