Não há produtos em seu carrinho.

Pinot Gris / Pinot Grigio

A Pinot Grigio é uma variedade de uva conhecida também como Pinot Gris, em outras regiões vinícolas ao redor do mundo. Trata-se de uma mutação genética natural da uva Pinot Noir, responsável pela coloração rosa-acinzentada que a Pinot Grigio apresenta, variando entre tinta e branca.

Os vinhos brancos elaborados a partir da Pinot Gris apresentam uma coloração um pouco mais escura que os demais exemplares, quase dourada. Trata-se de uma uva com baixos níveis de acidez e que dá origem a vinhos ricos e encorpados, com bons níveis de álcool e com textura rica e amanteigada.

Os aromas dessa variedade são frutados e apimentados, embora não tanto quanto os aromas da Chardonnay ou, até mesmo, da Gewürztraminer. Os vinhos Pinot Grigio harmonizam-se muito bem com comida, em especial pratos mais leves.

Existem grandes diferenças entre os vinhos elaborados com a uva Pinot Gris cultivadas em diferentes regiões, tais como no nordeste da França e no nordeste da Itália. Os vinhos alsacianos são exemplares ricos, encorpados, com baixa acidez, perfumados e com alto teor alcoólico. Já os vinhos produzidos em Friuli são mais delicados, tanto no corpo quanto no aroma, e possuem boa acidez, pois as uvas são colhidas antecipadamente. Além disso, a uva Pinot Grigio também é cultivada na Áustria, na Suíça e na Alemanha, onde é conhecida como Ruländer ou Rüllender. 

Essa variedade recebe diferentes nomes, contudo, foi na Alsácia onde ocorreu uma verdadeira confusão a respeito da sua nomenclatura. Chamada também de Tokay, a Pinot Gris era associada constantemente ao tradicional vinho húngaro, o Tokaji. Ou então, conhecida como Auxerrois – nome dado à Malbec na região de Bordeaux. Dessa maneira, a fim de evitar novas confusões, as regulamentações vinícolas da Alsácia decidiram oficializar o nome da variedade para Pinot Gris.