Não há produtos em seu carrinho.

Mencía

A Mencía, uva tinta nativa do noroeste da Espanha, é uma variedade que está relacionada com os vinhos tintos de Bierzo, antes exemplares leves e adstringentes, mas que com o decorrer do tempo tornaram-se mais intensos e concentrados, atraindo a atenção de críticos, especialistas e amantes dos bons vinhos.

Os vinhos elaborados a partir da uva Mencía apresentam características terrosas, vegetais e notável mineralidade. Essa variedade tem a pele grossa, coloração azul-violeta e, na maioria das vezes, é confundida com a cepa Cabernet Franc.

O papel da uva Mencía apenas como uma simples variedade utilizada na elaboração de vinhos de mesa foi mudando com o decorrer dos anos. Tal mudança ocorreu graças ao prestigiado produtor Alvaro Palácios, um dos pioneiros na região do Priorato.

As vinhas velhas de Mencía cultivadas no excelente terroir de Bierzo provaram ser úteis na elaboração de vinhos de alta qualidade. Os vinhos elaborados na região apresentam coloração viva, fresca acidez e taninos marcantes.

A uva Mencía é extremamente exigente na vinha, visto que apresenta uma tendência de baixa produtividade, tornando-se desafiadora para diversos produtores e enólogos. Além disso, trata-se de uma variedade suscetível a podridão e doenças encontradas comumente nos vinhedos, perdendo sua acidez característica senão for colhida no momento correto.

Os elevados níveis de álcool e acidez devem ser controlados a fim de quem seja mantido o bom equilíbrio nos vinhos. Alguns produtores estão utilizando a maceração carbônica para acentuar as particularidades da uva e reduzir seus taninos.

Fora de Bierzo, a Mencía é cultivada em outras denominações de origem no nordeste da Espanha, tais como Valdeorras, Ribeira Sacre e Monterrei.