Não há produtos em seu carrinho.

Chenin Blanc

A uva Chenin Blanc é uma variedade versátil de cepa branca cultivada na França há mais de 1300 anos, tradicionalmente associada ao Vale do Loire. Seu alto nível de acidez permite que sejam elaborados diversos tipos de vinho com seus frutos, desde os mais doces, como os botritizados de sobremesa, até os mais secos, encorpados, leves e espumantes brancos.

Os vinhos feitos com esta uva chegam a durar décadas, graças a excelente acidez e ótima estrutura. A variedade teve seus altos e baixos ao longo da sua longa história. Documentos franceses históricos e oficiais mencionam a Chenin Blanc desde o ano de 845 e, a variedade já apareceu em várias partes do Loire sob uma infinidade de sinônimos.

A uva “saiu de moda” no início do século XX, mas o interesse renovado na década de 1980 trouxe a Chenin Blanc de volta à lista das uvas clássicas e nobres do mundo do vinho. Os Savennières secos estão entre os melhores exemplares criados com esta uva. Seus vinhos semi-secos e licorosos, feitos em Vouvray, são sempre aromáticos ao extremo e muito fáceis de se beber.

Também utilizada na elaboração de vinhos de corte, além dos varietais, a Chenin Blanc é combinada com diferentes castas, entre elas, a Sauvignon Blanc para os brancos mais secos, a Chardonnay para espumantes feitos pelo método tradicional e, a Marsanne, dando origem a vinhos brancos mais encorpados.

Além de toda essa versatilidade, a casta Chenin Blanc dá origem a vinhos brancos de corpo leve, presença de frutas como limão, damasco, maracujá e tangerina. Quando envelhecidos em carvalho, os sabores evidenciados são os de noz moscada e amêndoa.

No Movo Mundo, a Chenin também encontrou ambiente próspero. Especificamente na África do Sul, a uva já é tão ou mais plantada do que em sua terra natal e está entre as mais importantes do país. Desde que chegou por lá, no século XVII, já se popularizou graças a sua produtividade e fácil adaptação a ambientes mais quentes.

No início era usada apenas como base na elaboração de conhaques e na produção de vinhos em larga escala. Muitos produtores de Stellenbosch e Swartland estão investindo na criação de vinhos de qualidade, mais tropicais do que os de Loire e ricos em aromas.  

Também chamada de Pineau, Pineau de la Loire, Pineau d’Anjou e Steen, a Chenin Blanc é cultivada ainda na Califórnia, Argentina, Canadá, Nova Zelândia, Austrália e Chile.