Não há produtos em seu carrinho.

Bical

A uva branca Bical, com origem portuguesa, é utilizada na produção de vinhos brancos e bons espumantes. Trata-se de uma variedade cultivada na região de Beiras, principalmente no Dão e na Bairrada, onde dá origem a vinhos com altos níveis de acidez, podendo ser aproveitada também na composição de blends ou em vinhos varietais.

A Bical apresenta sabores frutados e, em anos mais maduros, exibe também notas de frutas tropicais. A variedade amadurece precocemente, possui um elevado nível de teor alcoólico e boa resistência contra doenças encontradas nos vinhedos, com exceção a alta sensibilidade ao oídio.

Conhecida também como Bical da Bairrada, Arinto de Alcobaça, Pintado dos Pardais ou Pintado das Moscas, Borrado das Moscas e Barrado das Moscas, graças a sua aparência nos vinhedos, a uva Bical é, ao lado da casta Maria Gomes, uma das variedades mais importantes da região portuguesa da Bairrada.

Os vinhos produzidos a partir da uva Bical são bastante aromáticos e macios, bem como frescos e com boa estrutura. São exemplares com excelente capacidade de envelhecimento em carvalho e, em contato durante muito tempo com as borras, resultam em ótimos vinhos.

Os melhores vinhos podem maturar por mais de dez anos, assumindo características similares com os vinhos produzidos com a tradicional uva Riesling. Além disso, a uva Bical também é amplamente utilizada em espumantes, onde muitas vezes aparece ao lado das cepas Cercial e Arinto.

Casta bastante precoce, a Bical apresenta amadurecimento rápido, possibilitando que seus frutos adquiram elevado teor alcoólico, especialmente, se for deixada na vinha por um extenso período de tempo. Quando apresenta acidez acima da média, a uva Bical é utilizada na produção de bons espumantes ou em vinhos em conjunto com a Arinto.

No Dão, a uva Bical é conhecida como Borrado das Moscas, visto que as uvas maduras nas vinhas apresentam pequenas manchas marrons, remetendo ao desenho de moscas que são apenas “sardas” na parte externa da fruta.