Não há produtos em seu carrinho.

La Spinetta

O produtor La Spinetta tem como premissa concentrar seus esforços na dedicação aos vinhedos da propriedade, os quais são tratados com o máximo cuidado, atenção e respeito, especialmente no que se refere às práticas agronômicas e quantidades de produção. Para esse fim, optou pela não utilização ou o mínimo possível de componentes químicos em todo o processo.

A propriedade está situada em Piemonte, particularmente famosa por suas uvas vermelhas, incluindo Barbera, Nebbiolo e Dolcetto, bem como a uva branca Moscato – variedades indígenas que têm uma longa história na região. A vinícola produz vinhos típicos do Piemonte, com características do terreno em que as uvas são cultivadas, refletindo um sabor indiscutivelmente identificável com sua origem.  

As vinhas da propriedade são antigas, entre 35 e 65 anos, fator que contribui imensamente para a mineralidade, longevidade e complexidade dos vinhos produzidos. Por esse motivo, são selecionadas para elaborar a maioria dos vinhos da casa, exceto Barbera Cà di Pian, Langhe Nebbiolo e Il Nero di Casanova, produzidos a partir das plantas mais jovens.

La Spinetta mantém uma produção relativamente pequena, apenas 17-20 hl (3.1-3.3 toneladas) por hectare, o que permite a elaboração de vinhos com excelente cuidado, respeitando a particularidade das frutas. Não são utilizados produtos químicos, fertilizantes ou pesticidas e 75% das vinhas são trabalhadas de acordo com princípios biodinâmicos.

La Spinetta tornou-se nos últimos anos um dos nomes de maior prestígio na Itália, classificado como o terceiro melhor produtor do país pelo conceituado guia Gambero Rosso, que lhe confere suas 3 Estrelas e nada menos do que 38 “tre bicchieri”.

Seus Barbaresco são lendários, muito estilosos e de incrível complexidade, enquanto o Barbera Vigneto Gallina é, para muitos, o melhor do Piemonte. Seu delicioso Pin é um vinho de muito apelo, um corte de Nebbiolo, Barbera e Cabernet Sauvignon. São todos vinhos entre o melhor que a Itália pode produzir.