Não há produtos em seu carrinho.

Caves São João

A vinícola Caves São João é uma empresa familiar fundada em 1920, pelos irmãos José Manuel e Albano Costa, que começou sua empreitada no mundo do vinho através dos exemplares licorosos da região do Douro.

Nos anos 1930, devido a um projeto de lei aprovado pelo governo que proibia a produção de vinhos do Porto fora dos limites do Porto, a empresa transferiu a sua atividade para o comércio de vinhos de mesa da Bairrada e lançou-se na produção de vinhos espumantes naturais no método “champenoise”, com a ajuda do renomado enólogo francês Gaston Mainousson. A partir de 1940. A vinícola passa a expandir seu mercado exportando seus exemplares para o Brasil e colonias portuguesas na África.

Em 1950, a Caves começa a ganhar notoriedade no mercado de vinhos portugueses e dá início a produção de exemplares DOC, criando duas das mais famosas marcas do país: Frei João da Bairrada e Porta dos Cavaleiros, da região do Dão.

Já em 1972,  a empresa adquiriu a Quinta do Poço do Lobo, uma propriedade rural com 35 hctares, localizada em Pocariça, na região de Cantanhede. A propriedade foi então totalmente replantada com tipos de uva selecionados e cuidadosamente divididos. Com as uvas obtidas a partir dessas vinhas, Caves São João produz um vinho tinto Bairrada, um vinho espumante e um Cabernet Sauvignon “varietal” comercializado sob a marca Quinta do Poço do Lobo.

Sem dúvida, a Caves de São João é um produtor excepcional, que vende quase toda sua produção dentro de Portugal. Os vinhos, todos muito típicos, tradicionais e de longa guarda, são considerados naquele país como vinhos de referência.

As famosas Reservas são verdadeiros ícones do vinho português, em estilo único e capazes de durar décadas, assim como os vinhos tintos de sua Quinta do Poço do Lobo, cujo Cabernet Sauvignon mereceu recentemente o prêmio de “Melhores por região” na Bairrada pela Revista de Vinhos. A casa também produz dois espumantes tipicamente bairradinos: um branco e um interessante espumante tinto, elaborado com a uva Baga, bom para feijoada e pratos fortes e gordurosos.