Não há produtos em seu carrinho.

Brasil

O Brasil tem se destacado como fonte de algumas das melhores compras entre os espumantes de todo o mundo. O estilo leve, fresco, aromático e descomplicado vem chamando atenção até da crítica internacional. O clima tropical quente do país é propicio para o cultivo de uvas ácidas, adicionando excelente frescor e aroma aos espumantes aqui originados.

Apresentando uma progressiva melhora em seus vinhos, o Brasil está atingindo um prestígio cada vez maior na cultura vinícola, priorizando a elegância e a qualidade dos exemplares. Revelando uma identidade própria e singular em cada um de seus vinhos, o país possui ótimos produtores. No entanto, o consumo da bebida ainda é expressado por um número pequeno: estima-se que cada habitante brasileiro consuma em média 1,8 litros de vinho por ano.

O clima do Vale dos Vinhedos, no Rio Grande do Sul, é ideal para a produção de prestigiados vinhos espumantes, originando uvas com uma ótima acidez natural. Alguns produtores artesanais vêm criando vinhos interessantes e complexos, que merecem ser conhecidos e experimentados.

Além do sul se destacar por sua produção vinícola, a região do Nordeste também vem se destacando ao lado dos estados do Paraná, São Paulo e Santa Catarina. Em Santa Catarina, as uvas são mais concentradas e apresentam aromas marcantes devido ao lento amadurecimento que possuem graças às altitudes onde as suas vinhas estão localizadas, entre 900 e 1.400 metros acima do nível do mar.

No Nordeste, o destaque maior encontra-se na região do Vale do São Francisco, que apesar de sofrer com o baixo índice pluviométrico, entrega até duas safras por ano, graças a um sistema de irrigação artificial empregado nos vinhedos.

Nos vinhedos brasileiros são cultivados inúmeras uvas estrangeiras, entre as tintas é possível encontrar as uvas Cabernet Franc, Cabernet Sauvignon, Tannat, Gamay, Pinot Noir, Merlot, Alfrocheiro, Touriga Nacional, Syrah e Tinta Roriz. Já entre as castas brancas, o destaque é a uva Moscato Branca, a mais plantada no Brasil. No entanto, outras variedades também são cultivadas, como a Trebbiano, Sémillon, Riesling e Chardonnay.